sábado, abril 13, 2024
spot_img
spot_img
spot_img
InícioAssembleia Legislativa do ParanáPrograma de Segurança Hídrica é aprovado na CCJ

Programa de Segurança Hídrica é aprovado na CCJ

spot_img

Na sessão desta terça-feira (26), a Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Assembleia Legislativa do Paraná aprovou o projeto de lei 139/2024, apresentado pelo Poder Executivo, que estabelece o Programa Estadual de Segurança Hídrica na Agricultura. Este programa visa promover a adoção de práticas de preservação, conservação e produção por parte dos produtores rurais e suas organizações, com o intuito de melhorar a disponibilidade hídrica e a qualidade dos recursos hídricos, especialmente para a agricultura familiar, durante períodos de escassez de água.

Os objetivos do Programa incluem a implementação de práticas para reduzir conflitos relacionados ao uso da água em mananciais públicos, a mitigação da escassez de recursos hídricos e a implantação de tecnologias para proteção e conservação dos recursos naturais.

O projeto prevê que o Estado conceda subsídios econômicos aos beneficiários, com limites específicos para agricultores familiares, empreendedores rurais individuais e organizações/cooperativas. Por exemplo, o subsídio não reembolsável para agricultores familiares não pode exceder R$ 40 mil, enquanto o valor reembolsável tem um limite de R$ 100 mil. Para organizações de agricultores familiares, o subsídio não reembolsável não pode ultrapassar R$ 400 mil, e o reembolsável tem um limite de R$ 1 milhão.

Além disso, a CCJ aprovou o projeto de lei 154/2024, também proposto pelo governo estadual, que institui o Programa Estadual de Pagamento de Recompensas. Esse programa permite que o Estado pague por informações úteis à polícia para a prevenção, repressão ou solução de crimes, visando fortalecer o combate à criminalidade. As informações devem ser fornecidas exclusivamente ao Centro Integrado de Denúncias 181, e os critérios para elegibilidade e os valores das recompensas serão definidos pelo Executivo e previstos na Lei Orçamentária Anual. Os recursos para os pagamentos virão do Fundo Especial do Sistema Único de Segurança Pública do Estado do Paraná (Funsup/PR), e os valores poderão ser distribuídos entre várias pessoas, cobrindo diversas informações úteis para as investigações.

Notícias Relacionadas

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

spot_img
spot_img
spot_img
spot_img

Notícias Recentes

- Advertisment -