sábado, abril 13, 2024
spot_img
spot_img
spot_img
InícioEconomiaDeputados bolsonaristas do Paraná votaram contra isenção do IR até R$ 5...

Deputados bolsonaristas do Paraná votaram contra isenção do IR até R$ 5 mil

spot_img

Chamou a atenção o comportamento de alguns parlamentares paranaenses durante a votação do projeto de lei de reajuste do Imposto de Renda de Pessoa Física (IRPF). A liderança da oposição, incluindo a deputada federal Rosangela Moro (União Brasil), votaram pela promessa de campanha do presidente de esquerda Luiz Inácio Lula da Silva (PT), que era de isentar quem ganha até R$ 5 mil, uma pauta de grande alcance social e beneficiaria a população necessitada brasileira.

No entanto, parlamentares ligados ao União, Delegado Matheus Laiola e Nelsinho Padovani, considerados bolsonaristas, incluindo o pré-candidato de esquerda a prefeito de Curitiba, Luciano Ducci (PSB), votaram contra. O grupo, incluindo quatro parlamentares petistas, um do MDB, dois do PP e três do PSD, não atenderam aos apelos da oposição, que fez recurso de plenário e outras manobras na intenção de aprovar a isenção até R$ 5 mil.

No final, acabou aprovada a lei que viabiliza a isenção do IRPF de valores até dois salários mínimos (R$ 2.842,00). Parlamentares da oposição criticaram o que classificaram como “estelionato eleitoral” da proposta, pois o presidente Lula prometeu isenção até R$ 5 mil durante a campanha de 2022.

Além de Luciano Ducci, Matheus Laiola (UB) e Nelsinho Padovani (UB), votaram contra o reajuste de R$ 5 mil Tadeu Veneri (PT), Elton Welter (PT), Carol Dartora (PT), Zeca Dirceu (PT), Sergio Souza (MDB), Marco Brasil (PP), Toninho Wandscheer (PP), Luciano Alves (PSD), Luiz Nischimori (PSD) e Paulo Litro (PSD).

Notícias Relacionadas

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

spot_img
spot_img
spot_img
spot_img

Notícias Recentes

- Advertisment -