sábado, abril 13, 2024
spot_img
spot_img
spot_img
InícioEconomiaAtividade econômica cresce 7,8% no Paraná, maior do Brasil

Atividade econômica cresce 7,8% no Paraná, maior do Brasil

spot_img

Com um crescimento de 7,8% em comparação a 2022, o Paraná alcançou o maior avanço proporcional na atividade econômica do Brasil no ano passado. Esses dados integram o Índice de Atividade Econômica Regional (IBCR), divulgado nesta quinta-feira (22) pelo Banco Central e compilado pelo Instituto Paranaense de Desenvolvimento Econômico e Social (Ipardes).

A variação nas atividades econômicas no estado do Paraná foi mais de três vezes superior à média nacional, que atingiu 2,45%. Esse resultado também superou em 1,7 ponto percentual o desempenho do estado de Goiás, que obteve a segunda melhor performance, com um aumento de 6,1% no mesmo período. O Pará, com uma variação positiva de 5,7%, completou o pódio de 2023.

“O ano passado foi extremamente positivo para a economia. Alcançamos o maior nível de empregabilidade da história, os indicadores do PIB já revelam um crescimento expressivo, e o porto atingiu um recorde de movimentação. Com os investimentos urbanos e a infraestrutura que planejamos para o futuro, o Paraná está se consolidando como um protagonista ainda mais relevante no cenário nacional”, afirmou o governador Carlos Massa Ratinho Junior.

A liderança no ranking de atividades econômicas refletiu o crescimento de todos os setores produtivos no estado ao longo do último ano. Na agropecuária, por exemplo, houve um aumento de 36% na produção de cereais, leguminosas e oleaginosas em comparação com 2022, representando um salto de 33,3 milhões para 45,4 milhões de toneladas colhidas, segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

As condições climáticas mais favoráveis, sem estiagens prolongadas, também contribuíram, especialmente para o desempenho positivo do agronegócio – em 2023, as exportações paranaenses, predominantemente compostas por produtos do setor agropecuário, registraram um crescimento de 13,7%.

Além da atividade primária, o Paraná se destacou no setor terciário, com um aumento de 11,2% no volume de serviços no ano passado, enquanto os segmentos industrial e do comércio varejista apresentaram elevações de 1,5% e 1,1%, respectivamente, de acordo com pesquisas do IBGE que são consideradas no cálculo do IBCR.

Confira o ranking completo com a variação anual do IBCR por estado entre 2022 e 2023:

Paraná: 7,8%

Goiás: 6,1%

Pará: 5,7%

Rio de Janeiro: 4,6%

Espírito Santo: 4,4%

Minas Gerais: 4,4%

Bahia: 3,3%

Amazonas: 2,7%

Santa Catarina: 2,6%

Pernambuco: 2,2%

Rio Grande do Sul: 2,1%

São Paulo: 1,4%

Ceará: 1,2%

Brasil: 2,45%

Fonte: Banco Central do  Brasil

Notícias Relacionadas

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

spot_img
spot_img
spot_img
spot_img

Notícias Recentes

- Advertisment -