Rafael Greca é acusado de revanchista por penalizar GMs que protestaram na escadaria da Câmara de Curitiba

(Foto: Colaboração/Arquivo)

Em 2017 os servidores municipais de Curitiba se mobilizaram contra o ‘pacotaço” do Plano de Recuperação Fiscal do governo, do prefeito Rafael Greca (DEM), e alguns guardas municipais que participaram da manifestação responderam processos administrativos, acusados de estarem nas escadarias da Câmara Municipal de Curitiba, no dia da mobilização e o veredito: expulsão de dois GM e dez tiveram o salário cortado pela metade.

Os policiais estavam não estavam na escala de trabalho, segundo o sindicato da categoria, e “mesmo assim foram penalizados simplesmente porque a prefeitura precisava dar um exemplo para a categoria”.

Sigmuc, Sismmac e Sismuc exigem que a administração Greca volte atrás nas demissões, consideradas injustas, e organizaram para hoje, às 16h, nas páginas do Facebook dos três sindicatos, uma ação solidária para reparar as perdas que esses servidores terão com o corte salariais.

8 COMENTÁRIOS

  1. O reinado de Nero das Araucárias é associado habitualmente à sua tirania e à extravagância. Será recordado por sua compondo com a sua lira a cantoria ridícula do hino de uma cidade que ele achava ser seu império. Além de ser um implacável perseguidor de quem vai contra suas ideias mirabolantes. Na sua política, usou a violência e as armas para combater e eliminar as aqueles que o afrontavam. Mas aqui a lei natural é ” Faz o mal, volta o mal” e desta lei nenhum amuleto ou medalhão vai proteger das injustiças que ele cometeu. Fora Greca!!

  2. Será que é só o prefeito? Comentários nos corredores da prefeitura é que tem comissionados e servidores do alto escalão que ignoraram as leis e aproveitaram da posição privilegiada que ocupam para que este resultado ocorresse.

  3. Greca é um traidor, foi eleito com a ajuda dos servidores e só ferrou a categoria. Colocou um secretário pixuleco na Rh que se acha uma principeza. Em outubro essa gente vai rodar! Vaza Greca!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here