Marxismo chega ao galinheiro

Em uma entrevista famosa Nélson Rodrigues pontificou, com a costumeira genialidade: “Só conheço o marxista de galinheiro, não excluindo o próprio Karl Marx, que também é marxista de galinheiro”. 

Pois não é que além de gênio, Nélson se revela profeta? O ditador da Venezuela, Nicolás Maduro, sugeriu que as escolas instalem galinheiros como uma forma de aplacar a grave crise alimentar que há no país. Fruto do imenso sucesso das políticas bolivarianas, que transformaram o país com as maiores reservas de petróleo do mundo em uma nação que passa fome.

Maduro prosseguiu, provando que se pratica na Venezuela, regida pelo “socialismo do Século XXI” a forma mais galinácea de marxismo do planeta: “Toda escola e ensino médio tem um espaço, algumas têm um espaço grande. Aquela que tem um espaço grande também pode colocar animais lá, cerca de 200 galinhas, 300 galinhas”, disse Maduro em um ato com estudantes, transmitido pela televisão.

3 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here