Entrevista de Lula ajuda Bolsonaro

Denis Rothenburg informa que o presidente Jair Bolsonaro jamais admitirá publicamente, mas, nas internas, seus aliados comemoraram a entrevista de Lula. Explica-se: o que uniu os representantes do mercado, os militares e a turma de investigadores da Lava-Jato (encabeçada por Sérgio Moro) ao atual presidente foi o antipetismo. No momento em que Lula reaparece, os grupos se reaglutinam novamente em torno de Bolsonaro. A ideia dos governistas agora é aproveitar esse amálgama que a entrevista de Lula produziu, a fim de reposicionar o presidente Bolsonaro. É o mote perfeito para afastá-lo das polêmicas geradas pelo filho Carlos e dos tropeços, como querer controlar as campanhas publicitárias das estatais, ditar preço de combustível e por aí vai. Com Lula no pedaço, dizem os bolsonaristas, o governo está salvo.

Jair Bolsonaro (Foto: Marcos Corrêa / Presidência da República)

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here