quinta-feira, fevereiro 29, 2024
spot_img
InícioPolítica ParanáTraiano abre ‘Aulão’ do Enem com mais de 700 estudantes no...

Traiano abre ‘Aulão’ do Enem com mais de 700 estudantes no Plenário

spot_img

“Todos falam que a educação é uma prioridade. Mas a Assembleia Legislativa do Paraná está mostrando como essa tese pode ser colocada em prática”. A declaração é do presidente da Assembleia, deputado Ademar Traiano (PSDB), ao abrir, na manhã de hoje (22), um Aulão que colocou mais de 700 estudantes no Plenário da Assembleia e mobilizou milhares de alunos em torno de telões em escolas de todo o Paraná para uma aula preparatória do Enem. A frase dá uma ideia da dimensão que ganhou o projeto de colocar a Assembleia dando apoio aos alunos de escolas públicas do Paraná que vão fazer o Enem.

O projeto “Assembleia no Enem”, uma parceria da Assembleia com o Grupo Eureka e a Uninter, foi lançado pelo próprio Traiano em 2015 e é apontado como um dos responsáveis pela melhora da posição do Paraná no ranking nacional do Enem. Nesta terça, milhares de estudantes do Ensino Médio de todo o estado acompanharam essa aula. Foi feita a revisão de conteúdos nas áreas das Ciências Humanas, Ciências da Natureza, Matemática, além de Redação e Linguagens, conduzidos por professores do projeto Eureka, coordenado pelo professor Marlus Geronasso. Eles resolveram questões especialmente preparado para o Aulão. O evento foi transmitido ao vivo pelo Facebook e pela TV Assembleia e acompanhado em telões em dezenas de colégios do Paraná.

Traiano, em seu discurso, enfatizou a importância de abrir as portas do Legislativo para a participação popular, especialmente dos jovens. “Vocês dão ao Poder Legislativo uma nova cara. Estamos abrindo a oportunidade aos alunos de conhecerem a Assembleia. A presença de estudantes enriquece a nossa Casa. Desde que assumi a Presidência, escancarei as portas da instituição, principalmente para os jovens. Com eventos como esse estamos saindo da retórica e efetivamente contribuindo com a educação do Paraná”.

“A parceria com o projeto Eureka foi uma das importantes ações da Assembleia Legislativa Paraná nos últimos anos. Nas edições anteriores do Aulão, a presença foi igualmente efetiva dos alunos, que transformam o Plenário numa verdadeira sala de aula”, afirmou o professor Marlus Geronasso, líder do projeto Eureka. “Sempre me emociono e tenho uma gratidão pela parceria com a Assembleia, principalmente pela visão do seu presidente. A gestão pública às vezes é feita por algumas mentes pequenas. Mas nem todas são assim, porque aqui temos uma verdadeira sala de aula. E é pela educação que podemos mudar o país. A Casa só é do povo se ela servir ao povo. E está servindo”, destacou o professor Marlus.

A jornalista Kátia Chagas, diretora de Comunicação da Assembleia, uma das idealizadoras do projeto Assembleia no Enem falou da importância da decisão de Traiano de abrir as portas do Legislativo para o sucesso de uma série de iniciativas vencedoras. “O presidente Ademar Traiano disse que queria abrir essa Casa para os jovens e nos deu carta branca para agir. Encontramos grandes parceiros fantásticos, como o Grupo Eureka e a Uninter que não mediram esforços e estamos colhendo importantes resultados”. Ela chamou a atenção para as mais de 500 videoaulas e todo o material de apoio disponibilizados pela Alep para os estudantes. As aulas e o material estão disponíveis no site da Casa, de fácil acesso por qualquer pessoa. É mais uma contribuição da Assembleia para a valorização da educação”, concluiu a jornalista.

O vice-reitor do Centro Universitário Internacional (Uninter), Jorge Bernardi, destacou a importância do evento. “Estes alunos não são apenas o futuro, mas o nosso presente. Parabéns por abrir a Assembleia à comunidade, porque o projeto Eureka oferece uma opção, uma grande chance no campo educacional para uma batalha que será o Enem”.

Da mesma forma, a professora Dinamara Pereira Machado, coordenadora da Escola Superior de Educação, reconheceu experiência positiva do programa “Assembleia no Enem”. “Isso aqui é um sonho para os alunos. Fico muito emocionada de ver a participação efetiva dos estudantes. Mas mais do que isso, quero dizer que no meu tempo, chegar perto de uma Assembleia Legislativa ou de uma Câmara de Vereadores era algo quase impossível, muito distante. E tenho certeza que o deputado Traiano abre esta Casa porque ela é a ‘Casa do Povo’, um espaço para o diálogo e para a promoção da democracia”.

O chefe do Núcleo Regional de Educação de Curitiba, Lourival de Araújo Filho, também esteve presente no Aulão, lembrando que o evento já está consolidado com um dos nossos mais importantes acontecimentos na educação pública, permitindo o acesso e democratizando importantes conteúdos aos estudantes paranaenses.

Notícias Relacionadas

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

spot_img
spot_img

Notícias Recentes

- Advertisment -