Suplentes de olho na vaga de vereadora presa

José Carlos Chicarelli (Foto: Chico Camargo/CMC)

Apesar de entrar no PSD na janela de transferência, em abril, a vaga vai ficar com outro partido: a parlamentar curitibana Fabiane Rosa foi eleita em 2016 pelo PSDC, hoje, Democracia Cristã, e no caso de uma renúncia ou de uma provável cassação, a cadeira não deve ficar com o MDB.

O primeiro suplente é Delegado Mikalovski seria o herdeiro da cadeira na Câmara Municipal de Curitiba, mas como deixou a sigla antes da abertura do prazo para os políticos trocarem de legenda, perdeu o direito de ocupar a vaga da vereadora presa no Presídio Feminino de Piraquara pela acusação de “rachadinha”.

O segundo na hierarquia é o cirurgião dentista José Carlos Chicarelli, mais conhecido como Chicarelli, hoje no MDB, mas que seguiu as regras ditadas pela legislação eleitoral.

17 COMENTÁRIOS

  1. Sou da Igreja trabalhei com o vereador CHICARELLI todos da igreja que trabalhavam com.ele , e ele nunca pegou parte de salarios nenhum funcionário

  2. Cahorreiros nunca mais. Acham que podem fazer tudo usando cachorros como escudo. Espero que os partidos não aceitem mais esses pesos mortos como candidatos

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here