“Rolê Cívico” levará estudantes de Direito a conhecer Assembleia e TJ

O presidente da Assembleia, deputado Ademar Traiano (PSDB) assinou hoje, com o desembargador José Laurindo de Souza Netto, 2º vice-presidente do TJ-PR e o 1º secretário, deputado Luiz Cláudio Romanelli (PSB), um convênio para abrir ainda mais as portas do Legislativo e do Judiciário. É o projeto “Rolê Cívico Paranaense”, que vai trazer estudantes de Direito, especialmente do interior, para conhecer o funcionamento da Assembleia e do Tribunal de Justiça.

“O idealismo vive momentos de crise e precisamos trazer os jovens para que se interessem e participem da vida pública”, disse Traiano, destacando que o projeto representa uma ampliação da política de portas abertas que implantou na Assembleia em seu primeiro mandato como presidente. “O programa é voltado a estudantes de Direito, especialmente os do interior, que tem menores possibilidades de acompanhar o Parlamento e o Judiciário”, disse Traiano. “O projeto vai permitir que os jovens de todo o estado conheçam melhor a atuação dos Poderes e possam colaborar com a formação de um conceito próprio sobre essas instituições”.

O desembargador José Laurindo disse que a Assembleia e o Legislativo, fazem um esforço para trazer os jovens. “Por isso adotamos esse nome lúdico ‘Rolê Cívico’ para denominar esse projeto. O propósito é estabelecer uma nova relação do cidadão com o poder público. Essa nova dimensão da compreensão do poder público, compreensão essa de serviço público, desmitificando aquela visão pre-concebida de alguns com relação ao exercício do poder”.

Para Romanelli, o objetivo das ações de cidadania é preparar os jovens para que possam participar de forma ativa nas decisões sobre o futuro da sociedade. “A Assembleia tem como meta ter uma interação maior com a sociedade paranaense, mas nós queremos qualificar esse debate. Além da sociedade civil organizada, creio eu que o maior destinatário daquilo que nós temos que buscar é construir uma relação com os jovens desse Paraná, porque o jovem é o nosso futuro”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here