Paraná tem recorde de prefeitos inscritos para Marcha a Brasília

O Paraná terá seu maior público de prefeitos de todas as 22 edições da Marcha a Brasília em Defesa dos Municípios, que será promovida no Centro Internacional de Convenções de Brasília entre segunda e sexta-feira. Até a última sexta (05), 232 gestores municipais do Estado (58% dos 399) confirmaram presença no encontro. Em todo o Brasil, já são 2993 inscritos e 7633 participantes confirmados. As informações são do Bem Paraná.

A comitiva do Paraná será liderada pelo presidente da Associação dos Municípios do Paraná (AMP) e prefeito de Coronel Vivida, Frank Schiavini, que na última terça-feira (02) conduziu reunião com prefeitos do Estado, em Curitiba, para debater a pauta da marcha.

Entre outras reivindicações, os prefeitos paranaeses querem que as emendas dos senadores ao Orçamento sejam destinadas a consórcios de saúde, pedem alteração da Lei de Licitações para que as prefeituras tenham mais flexibilidade na dispensa de licitações em situações de emergência, defendem a construção de uma nova relação com o Congresso Nacional e, ainda, a liberação de recursos destinados pelos programas federais à assistência social.

Bolsonaro na abertura – A XXII Marcha a Brasília em Defesa dos Municípios será aberta pelo presidente da CNM (Confederação Nacional de Municípios), Glademir Aroldi, e terá as presenças do presidente Jair Bolsonaro; do Senado, Davi Alcolumbre; da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia; do STF (Supremo Tribunal Federal, Dias Toffolli; e do TCU (Tribunal de Contas da União), ministro José Mucio Monteiro.

Outros temas que serão debatidos em Brasília: o programa Mais Médicos,  o novo Fundeb (Fundo de Desenvolvimento da Educação Básica), novas regras de licitações (previstas no projeto de lei 6814/17), a reforma tributária, normas de consórcios (projetos de lei 2542/15 e 2543/15) e teto de gastos públicos, ampliação do FPM (Fundo de Participação dos Municípios), regulamentação da Lei Kandir e atualização de programas federais.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here