TC-PR suspende licitação do transporte coletivo de Londrina

O Tribunal de Contas do Paraná (TC-PR) suspendeu novamente o andamento da licitação parar a concessão do serviço de transporte coletivo de Londrina, com valor máximo de R$ 2,16 bilhões e previsão de contrato com duração de 15 anos, renováveis por igual período.

O processo licitatório já havia sido interrompido em 17 de dezembro passado, por recomendação do conselheiro Ivan Bonilha.

A nova cautelar teve como origem representação interposta pela Transportes Coletivos Grande Londrina Ltda., atual concessionária do serviço de transporte público do município.

Bonilha acolheu parte dos argumentos apresentados pela empresa, apontando para uma série de indícios de irregularidades presentes no edital.

Pela segunda vez Ivan Bonilha suspende a licitação do transporte coletivo de Londrina (Foto: Wagner Araújo

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here