Deputado e assessores entram armados no plenário da Câmara

Maurício Lima conta na coluna Radar, da Veja, que o deputado Sargento Fahur (PSD-PR) e dois assessores entraram armados no plenário da Câmara. Foi na última terça. Ele pretendia fazer uma live com a pistola, que estava à mostra na cintura, por cima da blusa.

O plenário estava vazio. Era dia da chamada ambientação dos novos parlamentares à Casa. Seguranças o abordaram e o advertiram que era proibido arma no local. Fahur a tapou com a camisa e simulou um discurso rápido na tribuna, usando seu bordão de campanha: “para bandido, cacete no lombo e bala no rabo”.

Entre os 513 deputados é o que tem o discurso mais bélico. Foi campeão de votos no Paraná.

Sargento Fahur (Divulgação)

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here