Oposição quer tempo para discutir renovação de contrato entre a Prefeitura de Curitiba e Sanepar

A oposição na Câmara Municipal de Curitiba até agora não entendeu os motivos que o líder do governo Rafael Greca (PMN),Pier Petruzzielo, pediu regime de urgência para votar um convênio que só termina em 2031. O vereador Goura (PDT) desconfia haver algo para esconder devido não ter passado por todas as comissões temáticas da casa. A vereadora Professora Josete (PT) está revirando a proposta enviada a casa legislativa para tentar encontrar algo. Petruzziello nega qualquer armação ou algo errado em rever o acordo e afirma: “o programa autorizado pelo projeto deverá valer por 30 anos, prazo prorrogável por igual período, e substituirá o contrato de concessão onerosa vigente de 2001, que terminaria em 2031.” A verdade que a sessão desta terça-feira, data para ser votado o projeto, a discussão vai ser acalorada.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here