Creches tem deficit de 10 mil vagas em Curitiba

Christiane Yared (Foto: divulgação)

Candidata à Prefeitura de Curitiba pela coligação Curitiba Cidadã (PL/PROS), Christiane Yared avalia que a fila de espera por vaga em creche na capital é uma clara demonstração de desrespeito às mulheres trabalhadoras de Curitiba.

De 0 a 3 anos, a legislação federal não obriga o município a universalizar o atendimento e o resultado é uma fila interminável a espera de vagas, que oscila em um déficit entre 7 mil e 10 mil vagas.

Dados oficiais da Secretaria Municipal da Educação dão conta que somente neste ano o município chegou a 50 mil vagas ofertadas na Educação Infantil (berçário, maternal e prés I e II). Em contrapartida, o número de habitantes em Curitiba com idade entre 0 e 3 anos, segundo o último Censo do IBGE, em 2010, era de 85.836.

A sensação é que ao longo de uma década a gestão pública municipal nunca tratou a questão com a devida importância.

Dados do MP-PR (Ministério Público do Paraná), do segundo semestre de 2018, mostravam que 7.940 crianças estavam na fila para uma vaga nas creches de Curitiba.

3 COMENTÁRIOS

  1. Nem li a matéria.
    Fico aqui só olhando para esta mulher, e gosto dela, ela me parece tão boa pessoa.
    Basta!
    Tem meu voto, nunca ouvi nada de ruim político dela.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here