Conselho de Ética vai investigar denúncias de nepotismo contra ex-presidente

Conselho de Ética da CMC (Foto: divulgação)

Os vereadores que tiveram parentes nomeados na gestão Greca serão interrogados para apurar as denúncias de nepotismo apresentadas pelo Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Curitiba (SISMUC) e pelo Sindicato dos Servidores do Magistério Municipal de Curitiba (SISMMAC).

A reunião do Conselho de Ética vai dar prosseguimento à investigação dos quatro acusados: Serginho do Posto (DEM), Toninho da Farmácia (DEM), Julieta Reis (DEM) e Fabiane Rosa (PSD).

O vereador Geovane Fernandes (Patriota), relator que encabeça a Junta de Instrução responsável por conduzir as investigações, apresentou um relatório sugerindo o arquivamento da denúncia contra o ex-presidente da Câmara Municipal de Curitiba Serginho do Posto e o prosseguimento das demais investigações. 

A manobra só foi impedida porque o relator foi voto vencido dentro da Junta escolhida por sorteio. Os outros dois membros, os vereadores Marcos Vieira (PDT) e Maria Letícia (PV), apresentaram voto em separado, orientando a continuidade das investigações contra todos os acusados.

A pressão dos sindicatos também garantiu que a reunião fosse transmitida ao vivo. Entretanto, a transmissão ocorreu sem divulgação prévia e foi interrompida no momento em que o presidente da Comissão, o vereador Bruno Pessuti (Podemos), lia o final do relatório que indicava o arquivamento das denúncias contra Serginho do Posto. (Assessoria do Sismmac)

13 COMENTÁRIOS

  1. Esses vereadores são devagar quase parando. São todos amigos e não costumam punir ninguém. Qual será o motivo? Para mim é motivo para não votar neles.

  2. Serginho do Posto e Toninho da Farmácia são do mesmo partido do prefeito Rafael Greca. Por isso a política está cada vez mais desacreditada.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here