Vereadores do DEM são acusados de nepotismo

Toninho da Farmácia (Foto: Carlos Costa/CMC)

O Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Curitiba (SISMUC) e o Sindicato dos Servidores do Magistério Municipal de Curitiba (SISMMAC) entraram com pedido de representação no Conselho de Ética contra dois vereadores que estão tentando a reeleição à Câmara Municipal de Curitiba, por quebra de decoro pela prática de nepotismo: Serginho do Posto (DEM) e Toninho da Farmácia (DEM) teriam parentes em cargos na prefeitura.

A representação foi apresentada na Câmara de Vereadores e no Ministério Público do Paraná (MP-PR) apontando nepotismo cruzado, quando as indicações ocorrem por meio de uma rede de favorecimento e troca de favores.

Essa rede, segundo a denúncia, teria custado pelo menos R$ 1,16 milhão aos cofres públicos, segundo levantamento preliminar realizado pelos sindicatos.

42 COMENTÁRIOS

  1. A pior Câmara de todos tempos é essa.. antes havia vereadores de verdade, Nely Almeida, Jair Cezar, Mário Celso, Sandoval, Ney Leprevost e outros… Agora estes que estão aí são um monte de pé de chinelo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here