Faltou inteligência policial para impedir confrontos em Curitiba, dizem entidades

(Foto: Reprodução Youtube)

A Associação Brasileira de Bares e Casas Noturnas e o Sindicato da categoria (Abrabar e SindiAbrabar) lamentam a falta de inteligência para impedir os fatos ocorridos pela terceira noite consecutiva no Carnaval 2020 no Largo da Ordem em Curitiba. Autoridades substimaram os “eventos clandestinos” no entorno do centro histórico, que trouxeram prejuízos enormes ao setor de gastronomia e entretenimento e bens públicos.

As equipes de fiscalização de Curitiba e do Estado não estão preparados para trabalhar no reativo ou preventivo em festas de aglomeração convocadas pela internet em eventos clandestinos sem apoio oficial. É de conhecimento de todos que a AIFU (Ação Integrada de Fiscalização Urbana), que seria a responsável pela atuação em eventos deste porte, deveria ter agido preventivamente, dizem as entidades.

É necessário, de acordo com Fábio Aguayo, da Abrabar, um trabalho de inteligência para identificar os autores nas redes ou ela não trabalha em feriadão ou carnaval na capital?, indagou. “Se for isso, demonstra mais uma vez que (a AIFU) só sabe agir contra nossa categoria e contra empresas de CNPJ”, afirma.

É preciso rever as formas de atuação e procedimentos, principalmente aprimorar os mecanismos de prevenção em aglomerações como estas que ocorreram no carnaval.

Aguayo lembra que fatos semelhantes ocorreram por lá e souberam lidar. “Aqui precisamos nos preparar melhor para estes incômodos isolados e receber bem os milhares de turistas e moradores que preferem visitar e ficar para aproveitar a Capital do Paraná”, completa a nota.

5 COMENTÁRIOS

  1. Mas cadê a muralha imaginária que o Greca prometeu? Quando tivesse tumulto os elementos iam ser identificados automaticamente e a guarda municipal chegaria feito a Swat, a Cia e a Fbi prendendo os marginais. Cadê a muralha prefeito?? Era só mais uma promessa furada??

  2. 03 vezes seguidas, não foram tomadas as devidas providências. Denota uma falha, e descaso.
    Os “des”organizadores devem ser identificados e punidos.
    Porque existe a guarda municipal?

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here