Crise do PSL preocupa deputados paranaenses

Do Carmo, Emerson Bacil, Subtenente Everton e Fernando Francischini (Foto: Orlando Kissner/Alep)

Na terça-feira passada, os oito representantes eleitos do partido na Assembleia Legislativa do Paraná (Fernando Francischini, Subtenente Everton, Coronel Lee, Missionário Ricardo Arruda, Luiz Fernando Guerra, Emerson Bacil, Delegado Fernando Martins e Do Carmo) se reuniram para discutir a crise entre a bancada federal e o presidente Jair Bolsonaro.

Apesar de preocupados devido a proximidade da eleição de 2020, a avaliação do grupo do PSL é de que tudo é nuvem passageira e com o vento se vai.

Para eles, nas próximas semanas tudo estará resolvido.  

5 COMENTÁRIOS

  1. No Paraná o PSL vai crescer e conquistar o espaço de outros partidos políticos que durante anos estiveram ao lado do PT, como o PP, DEM, PSB e outros.

  2. Quem está no PSL está com a faca e o queijo na mão para vencer a eleição municipal. No ano que vem R$ 500 milhões para o fundo eleitoral. Vai ser uma festa.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here