Deputado que tentou parcelar reajuste de servidores é alvo de repúdio

Angelo Rigon informa que servidores do Legislativo, Judiciário e Ministério Público repudiaram hoje a atitude do deputado que se mobilizou para impor um parcelamento do reajuste de 4,94% de salário de todos os servidores.

O motivo invocado pelo deputado Homero Marchese (Pros), para propor o parcelamento, que prejudicaria milhares de funcionários, foi o de que os servidores do Executivo receberão a correção salarial em parcelas e que deveria existir uma isonomia, é contestada pelos servidores que creditam essa postura a pouca experiência de seu autor.

Eles destacam que tanto o Legislativo, quanto o Tribunal de Contas, o Judiciário e o Ministério Público tem orçamentos autônomos e independentes e que o reajuste é uma garantia constitucional.

A iniciativa de tentar parcelar o reajuste, a exemplo do que vai ser feito com os servidores do Executivo, foi objeto de amplo repúdio.

Segundo os servidores, trata-se de uma iniciativa tomada por deputados inexperientes, que não tem uma noção clara do funcionamento do Legislativo. Não faz sentido penalizar todos os servidores devido a uma dificuldade de caixa que afeta o Poder Executivo.

6 COMENTÁRIOS

  1. SÓ ESQUECERAM DE AVISAR QUE O CAIXA QUE PAGA O EXECUTIVO É O MESMO QUE PAGA O LEGISLATIVO A DIFERENÇA É SÓ ORÇAMENTÁRIA. O DINHEIRO SAI DO MESMO LUGAR OU SEJA A ARRECADAÇÃO.

  2. Façam-me o favor! Será que vocês não entendem o que ele pretendeu com esta posição? Foi de chamar a atenção de que todos funcionários tem o mesmo direito e se não é para todos o reajuste, não deveria privilegiar ninguém. É, o Paraná e subserviente aos poderosos e o resto fica com as migalhas. Esta distinção é imoral, é fruto de artimanhas políticas para privilegiar classes e ainda querem disser que este sistema de castas não existe, ledo engano, 4,94% para senhores e umas migalhas para os parias do executivo. É uma vergonha.

  3. Sistema Corporativista do Judiciário que pune o orçamento público. Servidores preguiçosos, que não entendem que o Estado não tem caixa e está quebrado. Parabéns ao Deputado, por tentar desonerar o Caixa público, e esta sofrendo essas injustas retaliações.

Deixe uma resposta para glorioso Cancelar resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here