Rafael Greca marca gols pro e contra na Saúde

O prefeito de Curitiba, Rafael Greca (DEM), não erra tudo no comando do Palácio 29 de Março – ele acerta quando o assunto é pagamento aos fornecedores da área da saúde, que depois de passarem momentos difíceis na administração do ex-prefeito Gustavo Fruet (PDT), respiram aliviados e certos com a permanência do pedetista em Brasília.

As mantenedoras também estão satisfeitas com os pagamentos pontuais dos atendimentos do sistema SUS e nunca reclamaram de atrasos, comuns na época de Fruet.

O gol contra acontece em algumas UPAs, com reclamações de demora nos atendimentos e da falta de medicamentos.

“Talvez se explique pela proximidade do vencedor gago da licitação dos postos de saúde com um vereador”, alfineta um oposicionista da Câmara Municipal de Curitiba, ao apontar que também pode ser para aguentar a manutenção de um carrão Maserati, avaliado em R$ 400 mil.

UPA da CIC (Foto: Luiz Costa/PMC)

4 COMENTÁRIOS

  1. MARCA GOL CONTRA TAMBÉM QUANDO DESVALORIZA O SERVIDOR,POIS,M ESQUECE QUE PARA O SERVIÇO FUNCIONAR SÃO NECESSÁRIOS SERVIDORES NAS UNIDADES.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here