Disputa pela vaga de Jonny Stica está longe de acabar

A decisão tomada pelo Tribunal Regional Eleitoral do Paraná (TRE-PR), na quinta-feira, de tirar o mandato do vereador Professor Matsuda (sem partido) e entregar para o professor de Direito Dalton Borba (PDT), está longe de acabar e foi dada em caráter precário e depende, a juízo do próprio relator, de uma homologação em plenário.

Ou seja, a maioria dos membros da Justiça Eleitoral ainda precisa referendar essa decisão na próxima sessão, que será no dia cinco de agosto.

Até lá, Matsuda segue normalmente na cadeira e Borba fora da Câmara Municipal de Curitiba.

Professor Matsuda (Foto: Rodrigo Fonseca/CMC)

4 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here